DOCES DIVAGAÇÕES

Pensamentos voam e, de repente, pousam aqui.

Poder Paranormal (Red Lights, 2012)

Quando li a sinopse do filme Poder Paranormal (Red Lights, 2012) confesso que não fiquei muito impressionado com a trama. Porém, não somente o diretor mas também o elenco fiz com que eu tivesse a curiosidade para assistí-lo. Rodrigo Cortés dirigiu Enterrado Vivo (Buried, 2010), filme que me agradou bastante. No momento que vi Robert De Niro e Sigourney Weaver na trama, empolguei-me de fato.

Poder Paranormal aborda investigações feitas pela Dra. Margaret Matheson (Sigourney) e seu assistente Tom Buckley (Cillian Murphy, sim, o Espantalho de Batman Begins), na tentativa de encontrar, com a devida comprovação científica, uma situação paranormal verdadeira. Sigourney interpreta a Dra. Margaret de modo brilhante. Durante as aulas que leciona na faculdade, um tom do filme Arquivo-X se faz presente, potencializando a trama e conferindo o ceticismo necessário às personagens.

Diversos casos são apresentados ao espectador, de maneira a desvendar os mistérios por trás de eventos ditos paranormais. Sinceramente, se ela estivesse em San Diego, California, quando as filmagens do Atividade Paranormal (Paranormal Activity, 2007) foram feitas, certamente o filme não teria feito o mesmo sucesso. Brincadeiras à parte, considero a inteligência algo fundamental em filmes que queiram abordar assuntos paranormais de maneira séria. É imprescindível a explicação científica do método, dos controles aplicados e da lógica de investigação. E Poder Paranormal faz isso muito bem.

Com praticamente duas horas de duração, o filme é leve e tranquilo, ao mesmo tempo em que deixa inquieto o observador, curioso sobre cada avanço da trama. Obviamente que Margaret e Tom não ficam somente nas aulas e nas investigações de casos estapafúrdios. O clímax do filme aumenta quando os protagonistas desmascaram o vidente Leonardo Palladino (Leonardo Sbaraglia), charlatão de primeira categoria. Acontece que Palladino teve aulas com um dos mestres da paranormalidade, Silmon Silver (Robert De Niro), homem cego e muito sombrio.

Tom Buckley tenta convencer a Dra. Margaret, a todo custo, para que fizessem uma nova investigação no paranormal Silver, haja vista que a primeira ocorrera há mais de 30 anos. De volta à ativa, Silver agendou uma série de espetáculos em cidades próximas, com previsão de duas apresentações próximas à universidade. Para Tom, era a oportunidade ideal para investigar Silver e desmascará-lo perante todos. Margaret posiciona-se terminantemente contra o pedido de Tom, o que gera enorme tensão entre as personagens.

Porém, as coisas fogem ao controle de ambos e a estória se complica. Como não quero contar o fim do filme, paro por aqui. Muitos podem achar o filme monótono e com um fim insosso, então vai ao gosto de cada um. O título no Brasil não faz referência às luzes vermelhas, destacadas no título original. Mas não se preocupe, você entenderá o porque da expressão assistindo ao filme. Quanto à trilha sonora do filme, surpreendi-me com Victor Reyes. Com experiência, participou de Enterrado Vivo e Apartamento 143 (Emergo, 2012). A repetição de notas críticas aumenta a tensão em momentos cruciais.

Por mim, Poder Paranormal é diversão garantida, até mesmo para aqueles que temem o gênero suspense. Tenham certeza que não verão criaturas fantasmagóricas e malfeitas. Há clichês ao estilo M. Night Shyamalan, mas nada que desqualifique o filme. Como crítico de cinema (algo que não sou), poderia dizer que o filme se apresenta maior do que realmente é e que em alguns momentos chega a ser contraditório com seu aparente propósito, mas não tenho a intenção de criticar  – negativamente – filmes que ainda assim tenham me proporcionado bons momentos no cinema. Disse e repito, vale o ingresso.

Anúncios

Comente agora mesmo!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: